Enfermeiros recebem capacitação sobre acolhimento

Começou nesta quarta-feira (04) o curso de atualização para profissionais enfermeiros em Acolhimento com Classificação de Risco nas unidades de pronto-atendimento da saúde pública. O evento está sendo realizado no auditório do Instituto de Educação da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e terá duração de dois dias, sendo encerrado na quinta-feira (05).

Durante o evento serão abordados temas como: descrição do Acolhimento com Classificação de Risco (ACCR); doenças que poderão aparecer durante os eventos da Copa 2014; apresentação do Plano de Contingência para a Copa 2014; e Saúde Mental, Álcool e Droga.“Todos os temas serão tratados frente à expectativa do aumento na demanda de usuários nas unidades de pronto atendimento em eventos de massa e as possíveis patologias que poderão surgir com a presença de turistas”, explicou o coordenador de Atenção Secundária da Secretaria Municipal de Saúde, Darci Bezerra.

A secretária-adjunta de Planejamento e Operações da Saúde, Iracema Queiroz, enfatizou a importância da capacitação na área de acolhimento e classificação de risco. “Acolhimento com classificação de risco é um conhecimento de extrema importância, que já está sendo implantado no mundo inteiro por compreender que, com o correto acolhimento das pessoas na unidade podemos diminuir muito os atritos dentro das unidades. E a classificação de risco faz com que o paciente seja atendido de forma correta e diminui, e muito, o risco de morte para este paciente. Baseado na classificação de risco podemos reduzir muitos problemas, saber se o paciente pode esperar um pouco mais ou se precisa de atendimento urgente, de transferência ou de transporte emergencial”, ressaltou.

Iracema também enfatizou a necessidade de se repassar o conhecimento adquirido durante a capacitação. “Estes profissionais que estão sendo capacitados precisam repassar o conhecimento, e não só utilizar no dia-a-dia. Precisamos que todos trabalhem juntos, sejam multiplicadores deste conhecimento”, finalizou.

O curso está sendo oferecido para 100 profissionais enfermeiros da saúde pública, divididos em duas turmas, e será ministrado pela equipe da Diretoria Secundária da Saúde da Secretaria Municipal de Saúde.

Acolhimento com Classificação de Risco – O Acolhimento com Classificação de Risco é um processo dinâmico, que busca a identificação dos sintomas dos pacientes que procuram as unidades de pronto-atendimento, apontando a necessidade de atendimento de acordo com grau de sofrimento e gravidade. Para isso, é utilizado um sistema de cores.

A cor vermelha indica risco altíssimo, com necessidade de atendimento imediato (emergência). A cor amarela significa urgência, e demanda atendimento rápido. Já o verde indica casos de menor urgência, que podem aguardar atendimento. A cor azul identifica pacientes sem urgência, e que podem ser atendidos em Unidades Básicas de Saúde.

Fonte: Daniele Danchura/Secretaria de Saúde

Comentários

0 Comentários

Deixe o seu comentário!